quinta-feira, 2 de outubro de 2008

‘Ele era um homem para mim’, diz professora que fez sexo com aluno

Kelsey Peterson foi condenada a seis anos de prisão.
Ela e menino de 13 anos fugiram ao México e tiveram relações sexuais.




A ex-professora de matemática dos EUA sentenciada a seis anos de prisão por fugir com um menino de 13 anos ao México e ter relações sexuais com ele disse que a idade do garoto não fazia diferença para ela.

“Não víamos mais a nossa idade. Na minha cabeça, ele havia deixado de ser um adolescente. Ele era um homem pra mim”, declarou Kelsey Peterson, em uma entrevista para a rede de TV norte-americana ABC, nesta quarta-feira (1).

Peterson, de 26 anos, foi condenada a seis anos em uma prisão federal e cinco anos de liberdade supervisionada. Ela se declarou culpada em julho de transportar um menor para fora dos limites de seu estado (Nebraska) para fazer sexo com ele.

Peterson começou a ter relações sexuais com o aluno quando ele tinha 12 anos e estudava na escola onde ela trabalhava, na cidade de Lexington. Ela teria dado aula pra ele durante a sexta série.

O advogado de Peterson questionou a autenticidade da certidão de nascimento do garoto, argumentando que ele teria pelo menos 16 anos e que ele seria o responsável pelo assédio à professora.

A alegação foi negada pelos advogados de acusação. “Ele tinha 12 anos e a ré sabia disso”, disse a advogada Amy Peck.

Em outubro de 2006, os dois desapareceram. Uma semana depois, ela foi presa no México.

Peterson ainda enfrenta acusações estaduais por seqüestro, abuso de menores e abuso sexual.

À TV norte-americana, a ex-professora disse que se sentia atraída pelo garoto quando ele tinha 12 anos, ainda que isso fosse contra sua criação católica e seu sonho de casar-se e ter filhos.

Peterson também expressou remorso pela forma como suas ações afetaram sua família, principalmente sua filha de nove anos. “Ela era a minha vida”, disse. “Eu devo mais desculpas a ela do que jamais poderei dar”.



Retirado do G1

Eu sinceramente acho que hoje em dia, um garoto de 12 anos sabe muito bem o que ocorre ao seu redor, e sexo é uma das coisas que ele conhece, e muito bem por sinal.

Agora nossa professorinha de matemática terá 6 anos para fazer muitas contas na prisão...

Por exemplo:

12 era a idade do garoto quando ela começou a ter relações com ele, 6 é o tempo de prisão que ela "ganhou", metade da idade do garoto, 9 = 4 = 13 onde nove é a idade da filha dela, e 13 é a atual idade do garoto, e 4 é o minimo de anos que ela irá ficar presa até que conciga uma liberdade condicional por bom comportamento.


Mais ou menos por aí.

Um comentário:

Zé Oreia disse...

Conseguir é com S, não com C